Em 2018, mais contribuintes preveem antecipação do IRPF

Pesquisa feita por plataforma de crédito online mostra que 9% dos contribuintes pretendem fazer um empréstimo deste tipo.

A Lendico, site de empréstimo pessoal online, realizou uma pesquisa com 741 participantes que mostrou que mais contribuintes pretendem tomar empréstimo de antecipação de IRPF neste ano.

Entre os entrevistados, apenas 5,6% declaram que tomaram um empréstimo de antecipação do Imposto de Renda no ano passado. Já no que se refere a 2018, entre aqueles que têm valor a restituir, 9,7% dizem que irão tomar um empréstimo de antecipação, e 19,9% ainda não têm certeza se o farão. Os demais 70% dizem que não tomaram este crédito.

Entre aqueles que pretendem fazer o empréstimo de antecipação do valor da restituição de IRPF, 66,2% dizem que farão isso para o pagamento de dívida. Já outros 14,7% tomarão o crédito para fazer compras e 9,2% preveem gastar o crédito com custos referentes a férias. Além disso, 5% dizem que usarão o empréstimo para custos relacionados a educação.

O empréstimo de antecipação traz como vantagem para o contribuinte o fato de ser pago apenas no final do ano, em uma parcela única. Contudo, ele pode ser perigoso para o cliente, já que se ele deixar de receber o valor por qualquer razão será debitado da mesma forma”, afirma Marcelo Ciampolini, CEO da Lendico.

Ciampolini lembra ainda que o consumidor que pretende fazer este tipo de empréstimo deve garantir que terá o valor para o pagamento da dívida em parcela única mesmo que não receba a restituição. “Se o consumidor estiver em dúvida sobre isso, o empréstimo pessoal pode ser uma alternativa mais vantajosa, já que poderá diluir a dívida em várias parcelas e pode encontrar taxas baixas”.