Falcão e Amandinha visitam Cuiabá

Alessandro Rosa Vieira, mais conhecido como Falcão, é um ex-jogador de futsal brasileiro que atuava como ala. É amplamente considerado como um dos melhores jogadores de futsal de todos os tempos.

Considerado o maior artilheiro de Copas do Mundo de Futsal. Só pela Seleção Brasileira, foram 401 gols marcados. Já até arriscou jogar no campo, com a camisa do São Paulo, mas foi nas quadras, que ele se tornou considerado por muitos o maior jogador de todos os tempos.

Dono de um currículo invejável, Falcão desembarcou em Cuiabá, acompanhado da craque do futsal feminino a cearense Amanda Lyssa Crisóstomo, a Amandinha, como é conhecida, é o maior destaque do futsal entre as mulheres há cinco anos.

Eleita cinco vezes consecutivas a melhor do mundo pelo site Futsal Planet (2014-2018), a atleta do Leoas de Lages (SC) e da seleção tem muito em comum com Marta: assim como a rainha, é nordestina, talentosa e luta pela igualdade de gênero.

Falcão e Amandinha vieram para uma ação comercial. Eles aproveitaram a visita para ter uma reunião com o presidente da Federação Mato-grossense de Futsal (FMFS) Pedro Verão.

O tema abordado no encontro foi o futuro da modalidade. Pedro Verão apresentou o calendário do futsal estadual aos craques, e falou da visibilidade que o esporte tem dentro da mídia. Segundo o presidente da FMFS, a transmissão da Copa Mato Grosso, feita pela TV Centro América, é um fator que ajuda na difusão do esporte no Estado.

A parceria permite que os jogos dos fins de semana sejam transmitidos ao vivo pelo canal da Federação, e as finais, pelo canal aberto da TV. O nosso futsal tem se destacado nos últimos anos. Temos equipes que realizam investimentos para a disputa de competições nacionais”, destacou Verão.

Falcão gostou da vitrine que o futsal mato-grossense está se tornando, mas disse que é preciso mais esforços para conseguir recursos que fomentem a prática, e destacou que a presença de nomes que engrandecem a modalidade em eventos que possam engrandecer o esporte.

Eu acho que tem que ter mais eventos, mais jogos, trazer eu, a Amandinha, para que estejamos presentes em finais de campeonatos importantes realizados. Acredito que esse tipo de ação faz crescer a modalidade, além de incentivar novas gerações a ingressar no futsal. Isso é muito importante para o futuro do esporte e da juventude”, disse o ex-camisa 12 da seleção brasileira de Futsal.