Projeto Social “4º Bravo Lutas” da PM conquistam 30 medalhas no Karatên Open

Alunos do programa social de esportes marciais “4º Bravo Lutas“, desenvolvido pelo 4º Batalhão da Polícia Militar, conquistaram 30 medalhas no 1º Campeonato Várzea-grandense de Karatê Open.

O evento foi realizado entre sexta-feira e sábado (23 e 24.11), no Ginásio Poliesportivo do Fiotão, em Várzea Grande.

Foram quinze medalhas de ouro, nove de prata e seis de bronze, cuja soma assegurou o primeiro lugar na colocação geral do evento esportivo.

Para o soldado Alexsandro Antônio da Cunha Pereira, um dos instrutores do projeto, a conquista é motivo de muita alegria.

Nos sentimos honrados em fazer parte dessa ação, disse Pereira, destacando que a participação dos alunos em campeonatos é de grande importância, pois caracterizam desafios a serem vencidos e preparam os alunos a lidar com vitórias e derrotas.

A aluna Gabriele Tavares dos Santos, 17 anos, ganhadora de duas medalhas de ouro, contou que as vitórias significaram superação. Gabriela revelou que um problema respiratório, diagnosticado como asma, lhe impôs limitações na infância e que ainda persistem na adolescência.

Já para Davi Tavares dos Santos, 11 anos, outro medalhista de ouro, a competição reforçou os ensinamentos repassados pelo seu “sensei” (professor). Ele disse que foi muito bom sair vitorioso, mas se tivesse sido o contrário não ficaria chateado, pois o importante é a participação e o respeito ao oponente.

Davi contou ainda que o karatê o ajuda a superar o nervosismo e a timidez.

Meu objetivo é continuar treinando e melhorando cada vez mais; karatê é uma modalidade que não tem fim, sempre precisamos aprimorar”, completou.

O 4º Bravo Lutas oferece aulas de jiu jitsu, judô e karatê para crianças com idade entre 6 a 17 anos. As aulas acontecem em um espaço cedido dentro do Várzea Grande Shopping. Os treinos acontecem todos os dias da semana, nos períodos matutino e vespertino.